ECONOMIA: Bolsonaro diz que gás e gasolina ‘não estão caros’ e culpa governadores

                           

O presidente Jair Bolsonaro afirmou na última quinta-feira, 19, que os preços da gasolina e o botijão de gás estão baratos na origem. Durante a conversa com apoiadores ocorreu no Palácio do Alvorada, ele ainda criticou os governadores pelo valor que os produtos chegam aos consumidores.

 De acordo com Bolsonaro, os impostos ferais sobre o gás de cozinha e diesel foram zerados, mas o brasileiro não sente isso no bolso por conta do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviço (ICMS) cobrado pelos estados.

 “O preço do gás não está caro. Está R$ 45 na origem. Eu zerei imposto federal. Cadê os governadores para zerar o estadual? Aí chega a R$ 130 na ponta da linha”, criticou.

 “Gasolina tá barata. Custa R$ 1,95 na refinaria. Chega a R$ 6 ou R$ 7 na ponta. Vamos ver, ao longo do caminho, o que fica caro.”

 

O presidente reduziu impostos federais sobre o diesel e gás de cozinha para agradar os caminhoneiros e também enviou à Câmara dos Deputados um projeto para mudar as regras do ICMS. A medida é vista como uma tentativa de reduzir as críticas contra seu governo e transferir a responsabilidade para os governadores.

 Segundo um levantamento da Agência Nacional do Petróleo (ANP), o botijão de gás de 13 kg é vendido entre R$ 100 e R$ 130 no país. A gasolina tem preço médio de R$ 5,88, mas chega a ser vendida a R$ 6,40 em algumas cidades.

Share:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Redes Socias

Google Plus Facebook Instagram email Email

JP Viagens

Escritório de Advocacia

Arena I9

HOTEL ALENCAR

MSET DIGITAL

Dallas Carirí

Salles Quentinhas

Escritório de Advocacia

AL SOM

Inove Eventos

FARMÁCIA BIOFARMA

As Mais Lidas do Site

Total de visualizações do Site