Ex-presidente do senado federal Eunício Oliveira confirma que pretende comprar casa do pai de Ciro Gomes

O valor do leilão será utilizado para pagar outros processos perdidos por Ciro

Eunício Oliveira

Por : Redação CN7

Eunício Oliveira (MDB), confirmou nesta terça-feira (20), em entrevista ao programa Jogo Político, do O POVO, que vai fazer oposição aos Ferreira Gomes nas eleições de 2022, no Ceará. O ex-senador ainda falou sobre a possibilidade de apoiar o deputado Capitão Wagner (PROS) na disputa pelo Governo do Estado do Ceará e sobre a compra do apartamento do ex-ministro Ciro Gomes (PDT).

Em entrevista, o ex-senador Eunício Oliveira voltou a comentar sobre a decisão de arrematar, na semana passada, o apartamento de Ciro Gomes que foi comprado por R$ 520 mil pelo ex-presidente do Senado Federal. “Queria mostrar ao Brasil que esse cidadão não tem nenhum equilíbrio emocional, que não tem condições de gerir o Brasil. Se ele não consegue gerir sua própria língua, suas próprias emoções, seu próprio patrimônio, como vai administrar o País?”, questionou.

O emedebista ainda deve participar de um novo leilão que envolve a casa que foi do pai de Ciro, José Euclides Ferreira Gomes, que está localizada no município de Sobral. “Daqui para frente, eu tenho que ficar atento porque eu soube agora que vão leiloar a casa que ele herdou do pai, lá em Sobral, e eu vou arrematando“, garantiu. O valor do leilão será utilizado para pagar outros processos perdidos pelo ex-ministro.

Críticas ao ex-prefeito de Fortaleza

Além das diversas críticas aos irmãos Cid (PDT) e Ciro Gomes, Eunício também falou sobre o ex-prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT). “Destruíram o estádio Presidente Vargas. Eu estava sobrevoando a cidade e tomei um susto quando vi o PV, só tem concreto. Fizeram um hospital que atendeu 500 pessoas, custou R$ 100 milhões, e vai custar mais R$ 50 milhões para recuperar”, disse.

Apoio a Capitão Wagner

Para as eleições de 2022, Eunício Oliveira levantou a possibilidade de apoiar o deputado federal, Capitão Wagner, que disputa o cargo no Governo do Ceará, em 2022. “Se a sociedade entender que ele é o nome para quebrar essa oligarquia, é possível esse apoio“, afirmou. O ex-senador deve se candidatar a algum cargo nas eleições de 2022. Entretanto, ele evitou antecipar para qual mandato vai concorrer no próximo pleito.

Share:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Redes Socias

Google Plus Facebook Instagram email Email

JP Viagens

Escritório de Advocacia

Arena I9

HOTEL ALENCAR

MSET DIGITAL

Dallas Carirí

Salles Quentinhas

Escritório de Advocacia

AL SOM

Inove Eventos

FARMÁCIA BIOFARMA

As Mais Lidas do Site

Total de visualizações do Site